domingo, 29 de abril de 2012 0 comentários

Ayres Britto: Só a arte salva o mundo das garras da mesmice

Sou fãnzíssima do ministro Ayres Britto, que agora preside o STF -Supremo Tribunal Federal. Em entrevista à Cynara Menezes, na Carta Capital desta semana, ele diz, lá pelas tantas, ao ser indagado sobre que conselho dar a jovens juízes que tenham formação humanista:

Ayres Britto: ar limpo no STF.
A abertura para a arte. Muito teatro, cinema, música, poesia, canto, dança... Que ele entenda que só a arte salva o mundo das garras da mesmice.A arte é sinônimo de estética, e os gregos colocavam a estética ao lado, com a mesma importância da justiça, da bondade e da verdade. A arte é o caminho para o humanismo, que é o lado direito do cérebro, não por acaso chamado de lado feminino. Tampouco é à toa que a palavra Direito seja masculina e a palavra justiça seja feminina. Sentença vem do verbo sentir. Como você pode sentir estando trancado ali, encastelado ali?

Finaliza a entrevista citando Fernando Pessoa que sempre nos convidava para arrumar as malas rumo ao infinito.

Toda a entrevista, aqui:

quarta-feira, 25 de abril de 2012 1 comentários

AS PPP's, Parcerias Público-Privadas e pra não dizer que não falei de flores...

Da esquerda para a direita: bancários e sindicalistas Fernando Bosco, Heidiany Katrine Moreno, dep. Protógenes Queiroz, a blogueira-sindicalista, Alan Rodrigues e os compas urbanitários Ronaldo Romeiro e Pedro Blois em 02/fev/2012, na Estação das Docas, pouco antes do debate e lançamento do livro "A privataria Tucana".
Ainda sobre as PPP's, o Projeto de Lei 210/2011, que trata das Parcerias Público-Privadas, votação que foi adiada na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) de para 2 de maio.

É preciso ter muito barulho e muita unidade de todos os movimentos sociais e parlamentares de esquerda contra as PPP's que, neste caso particular, significa entregar o que existe de público no Estado.

 Pra mim, as PPP's não é questão de princípio, mas manter o Estado inteiro e sem privatização, com respeito aos direitos dos trabalhistas, aí isso é.... Por todo o histórico de privataria no país, não confio nos tucanos nem com os olhos bem abertos.

 Dos 41 votos existentes hoje na Alepa, o governo Jatene tem maioria absoluta, não precisando dos oito votos da bancada do PT e nem do voto do PSOL. Podem aprovar tranquilamente o projeto de lei das PPP’s sem o voto da esquerda no parlamento paraense.

O Pará precisa é de governo e governo pra imensa maioria da população que precisa de saúde, segurança, transporte público e emprego. Ser um estado de proteção social e não de entrega do patrimônio público.

PPP's, então pra quê? Pra criar pedágios nas estradas? Vender a Cosanpa, o Banpará, terceirizar saúde, educação, sistema prisional?

 Entrega do estado, precarização? Tô fora!
A marca da resistência dos movimentos sociais às PPP's de Jatene. Bancários e urbanitários na linha de frente dessa mobilização.

Leia mais sobre PPP's aqui.
domingo, 22 de abril de 2012 0 comentários

Concurso da Caixa atrai mais de um milhão de concurseiros. Isso seria impensável no governo tucano de FHC pois a Caixa ia ser vendida, privatizada, liquidada...

Hoje, à 1 da tarde (hora de Brasília) tem concurso da Caixa Econômica Federal e concorrem em todo o país 1.086.513 candidatos. Desses, 29.228 mil estão inscritos no Pará. O concurso é para a vaga de técnico bancário, com salário de R$ 1.744 para jornada de trabalho de 6 horas diárias, caracterizando 30 horas semanais. O concurso será feito em três etapas: provas objetivas, prova de redação e exames médicos admissionais.


Isso seria impensável no governo tucano de FHC em que, para enxugar a participação do Estado no sistema financeiro, 23 dos 27 bancos estaduais sumiram do mapa. E no famigerado relatório Booz-Allen,que calçava "tecnicamente" o trajeto da liquidação/venda/privatização, a Caixa e  BASA seriam  os primeiros a serem vendidos/liquidados. O BB também seria vendido.

Ainda bem que conseguimos derrotar esse projeto entreguista do Brasil e só nos 8 anos do governo Lula, o setor público foi reforçado com a contratação de 40 milhões de brasileiros e brasileiras. 

Resultado de termos barrado essa entrega do país é que a Caixa faz esse novo concurso. Tomara que contrate rapidamente os novos bancários, pois a redução da taxa de juros tem feito as agências bancárias ficarem ainda mais superlotadas do que normalmente o são, sobrecarregando os bancários!

Parabéns aos concurseiros que tão na batalha faz é tempo a bom estudar e boa prova, a começar pela de hoje. Saiba mais aqui.

E não deixe de ler também o comentário de Paulo Henrique Amorim: Dilma peitou os bancos. O FHC ia vender o BB e a CEF.





quinta-feira, 19 de abril de 2012 3 comentários

Muita luz em teus novos caminhos, Valmirzinho!


Eu o chamava Valmirzinho, tão querido por todos nós da esquerda paraense. Não tinha a dureza da política ao lidar com pessoas e diferenças. Sempre colocava o sentimento e o afeto na frente, mesmo na hora em que precisava divergir. Um homem raro, sensível, atento ao ser humano.


Valmir Bispo foi o primeiro paraense a presidir a UNE- União nacional dos Estudantes e foi superintendente da Fundação Curro Velho na gestão da petista Ana Júlia à frente do governo do Pará. 


É um companheiraço que nos deixa neste Dia do Índio e deixa um buraco de dor e tristeza em nossos corações.  A cultura paraense perde muito com a partida dele. Na II Conferência Nacional de Cultura, Valmirzinho foi um hábil articulador da proposta sobre o Custo Amazônia. É uma perda em várias dimensões.


Muita luz em seus novos caminhos, querido Valmirzinho.

Daqui, meu abraço carinhoso a toda a família e aos companheiros que, asism como eu, estão passados, chocados, doídos.


Égua, meu Deus!
----
Atualizado às 13:40 - O velório será no Centur.


---
Atualizado às 13:42 para incluir post do compa Luís Cavalcante:

Obituário

O blogueiro está muito triste. Soube pelo Facebook do falecimento de Valmir Bispo, ex-superintendente da Fundação Curro Velho e militante histórico do Partido dos Trabalhadores – PT.

Valmir e o blogueiro militaram junto no Partido Revolucionário Comunista (PRC), onde o editor do blogue utilizava o “nome frio” de Aureliano, personagem de seu livro preferido Cem Anos de Solidão.

Ele era militante exemplar e engajado nas lutas sociais. Um cidadão que sonhava com a construção de uma sociedade inclusiva e mais igualitária.

Eu e Valmir participamos de campanhas históricas, entre as quais destaco a célebre eleição para presidente de 1989, onde quase elegíamos Lula presidente do Brasil e o Impeachment do presidente Fernando Collor.

Quando dirigi a Secretaria de Educação tivemos oportunidade de celebrar convênios entre a SEDUC e Fundação Curro Velho, que possibilitaram a realização oficinas de artes para milhares de jovens paraenses.

Há duas semanas falei pelo celular com Valmir. Ele estava feliz e muito esperançoso. 

Caso confirmada a versão de suicídio será uma enorme surpresa para o blogueiro, mas a vida sempre pode nos surpreender.

Deus que é generoso e tem simpatia pelos militantes comunistas acolherá Valmir no reino dos justos. Assim ele viverá na sociedade socialista e igualitária que sempre quis construir aqui na terra.
domingo, 15 de abril de 2012 1 comentários

A capa da Veja na semana da CPI do Cachoeira: paúra, desespero, tentativa de chantagem... Segura, PT!!!

Bateu a paúra, o desespero e a Veja apela miseravelmente pra  chantagear membros da CPI do Cachoeira.
Com a CPI do Cachoeira instalada, começou a operação-abafa denunciada pelo PT.

Aí a Veja saiu com esta capa, ela que ultimamente, num total ar de paisagem, dava capas de moda em Paris, enquanto o braseiro ardia sob o senador Demóstenes, o bicheiro Cachoeira, o governador tucano Marconi Perillo, circulava o senador tucano do Pará, Mário Couto e ameaçava avançar mais e mais, até se tornar uma tsnumani no mundo da política corrupta e muitos figurões da República.

Atentíssimo, o blogueiro Altamiro Borges matou a charada e adiantou o título no sábado: a Veja tá no desespero.

E o blog Conversa Afiada explica bem as razões dessa singelíssima capa. É que Demóstenes continua a editar a Veja: 

 Nos últimos dias, o grande alimentador das matérias jornalísticas é o senador Demóstenes Torres. Ele, na condição de réu, passou a ter acesso às peças do inquérito Monte Carlo e, agora, vem vazando as informações que interessam a ele e a Cachoeira serem veiculadas pela imprensa amiga, do jeito que é conveniente a esta veicular.

Todo circo montado pela Globo em torno dos telefonemas de Protógenes e em torno da Delta visam unicamente a tirar Cachoeira, Demóstenes e Perillo do centro das discussões e chantagear os integrantes da CPI. Como na Itália, antes da operação Mãos Limpas, a imprensa brasileira tornou-se hoje um monstrengo em que o partidarismo político casou-se com a criminalidade.

Ajudou a sepultar a Operação Satiagraha e a operação Castelo de Areia; fez de conta que não viu o livro Privataria tucana e, agora, quer sepultar a Operação Monte Carlo. Assim, protege os seus aliados políticos e seus aliados criminosos, que, são ao mesmo tempo suas fontes e seus patrocinadores.

sábado, 14 de abril de 2012 0 comentários

E Deus me fez mulher!!!


Ontem, o feiciano Guilherme Marssena homenageou mulheres lutadoras com o poema da  poeta nicaraguense Gioconda Belli (*), por conta da estrondosa vitória  conquistada pelas mulheres no STF - Supremo Tribunal Federal  de direito ao aborto de fetos anencéfalos. Com a decisão de interromper, ou não, a gravidez de fetos anencéfalos nas mãos das mulheres:

E Deus me fez mulher

E Deus me fez mulher,
De cabelos longos,
Olhos,
Nariz e boca de mulher.
E rugas
E suaves funduras
E me cavou por dentro,
Fez de mim uma incubador de seres humanos.
Teceu delicadamente meus nervos
E balanceou com cuidado
O número de meus hormônios.

Compôs o meu sangue
E me injetou com ele
Para que irrigasse
Todo meu corpo;

Nasceram assim as idéias,
Os sonhos,
O instinto…
Tudo o que criou suavemente
A marteladas de sopros
E perfurações de amor,

As mil e uma coisas que tornam mulher todos os dias
Pelas que me levanto orgulhosa
Todas as manhãs
E bendigo meu sexo.

****
(*) Gioconda Belli lutou pela Força Sandinista de Libertação Nacional e ajudou a derrubar, na década de 70, o ditador Anastacio Somoza. É autora de "A mulher habitada" e o "País das Mulheres",dentre outros livros.

Escultura de papel no blog carlosmeirailustrador.blogspot.com.br
A homenagem no FB de Guilherme Marssena:

Para vocês MULHERES LUTADORAS.


Em homenagem à vitória de ontem no STF.

Vera Paoloni,Lindomar Teodora Silva,Bete Balanço,Domingas Martins,Vera Tavares, Tereza Cristina Vasconcelos, Naiara Almeida,Salete Gomes,Karol Cavalcante,Elza Castro, Mahirú Pinheiro, Raimunda Weyl e demais Lutadoras.
sexta-feira, 13 de abril de 2012 0 comentários

Um ano hoje sem meu paizinho...

Hoje faz um ano que meu paizinho se foi. Um ano sem o riso, o carinho, a presença e acalanto do meu pai. Isso dói muito ainda. Todo dia olho pras estrelas e caço nelas o brilho do papai, pedindo que ele nos alumie lá de cima como fez tanto aqui embaixo.

Vou pra Bragança abraçar minha mãezinha e rezarmos juntas na Igreja da Matriz, às 6 da tarde.

Em Belém, meu filhote Silvinho comemora mais um niver. Um amado que se foi e um amado que segue a lei da vida que é viver e com alegria.

A bença, papai. Saudade e amor são pra sempre!

Filhote, parabéns, meu amor! Como diz o irmão e compa Samuca Lima, segue a luta  e a vida!
O aperto e o carinho desse abraço sinto todos os dias em minha vida. Mamãe olha carinhosa e atenta, ela a companheira de 6 décadas, 60 invernos e 60 verões.
Um amor imenso por gente, pelo mar e pela liberdade....
quarta-feira, 11 de abril de 2012 1 comentários

Ô embala eu, ô embala eu, ô embala eu meu pai...

Meu amado presidente embalando um pequenito com muito amor... (ô embala eu...)

... e meu netinho Perseu sapecamente  dizendo com esse sorriso que vai querer muita vida nesta vida!!!

sexta-feira, 6 de abril de 2012 1 comentários

Sorria, brinque, chore, beije, sinta, sonhe,lute, grite, ame e VIVA. Feliz Páscoa!

"Sorria, brinque, chore, beije, morra de amor, sinta, sonhe, 

grite e, acima de tudo, viva. O fim nem sempre é o final. A 

vida nem sempre é real. O passado nem sempre passou. O 

presente nem sempre ficou e o hoje nem sempre é agora. 

Tudo o que vai, volta. E se voltar é porque é feito de amor.” 

(De uma fã para Gianecchini durante entrevista a Marília Gabriela).

Feliz Páscoa, amadins! A seguir, texto que recebi por mail:

O que posso desejar para hoje?

Que as verdadeiras amizades continuem eternas
e tenham sempre um lugar especial em nossos corações.

Que as lágrimas sejam poucas, e logo superadas.

Que as alegrias estejam sempre presentes
e sejam festejadas por todos.

Que o carinho esteja presente em um simples olá,
ou em qualquer outra frase, ou digitada rapidamente.

Que os corações estejam sempre abertos para novas amizades, novos amores, novas conquistas.

Que Deus, esteja sempre com sua mão estendida,
apontando o caminho correto.

Que as coisas pequenas como a inveja ou o desamor,
sejam retiradas de nossa vida.

Que aquele que necessite ajuda encontre sempre em nós uma animadora palavra amiga.

Que a verdade sempre esteja acima de tudo.

Que o perdão e a compreensão superem
as amarguras e as desavenças.

Que este nosso pequeno mundo virtual
seja cada vez mais humano.

Que tudo o que sonhamos se transforme em realidade.

Que o Amor pelo próximo seja nossa meta absoluta.

Que nossa jornada de hoje esteja repleta de flores.
Feliz Páscoa

Com ovos recheados de AMOR, PAZ, ESPERANÇA e FÉ....

 
;