sábado, 30 de novembro de 2013 1 comentários

Até que o câncer nos separe! Taí um jeito bonito de contar uma grande pulada de fogueira! Da Ruth Rendeiro, lançamento em Belém dia 5 de dezembro/Embrapa

Muito a fim de ler o livro!!!
Já encomendei meus 4 exemplares direto pelo in box do feice
com minha mana e compa Ruth Rendeiro, porque dia 5 coincide com minha a Fortal tomar a bença da minha mãezinha que inicia a químio dia 9 de dezembro, após ter pulado uma fogueirona na cirurgia de 31 pra 1º e novembro. Oncologista diz que é uma químio leve, via oral e cá comigo tenho minhas dúvidas, mas enfim, rezo baixinho: Maria, passa na frente"


Quero muito ler o livro da Ruth Rendeiro, de alguém querida que vivenciou duplamente o efeito câncer na vida, ela e o marido acometidos quase ao mesmo tempo da enfermidade e que acabou levando ele pra outro plano. 


Ruth astral. Foto recente.Fortal.CE
Ruth é tanta vida, tanta alegria, uma guerreira da esperança Gosto do seu riso contagiante e do jeito como, brinca com as letras e os problemas da vida, mantendo a leveza. Quero ser assim quando crescer!

Lamento muito não estar na tarde/noite de autógrafos, mas recomendo quem puder vá dia 5 de dezembro na Embrapa. E depois vocês me contam aqui o que acharam do livro. Se não der mesmo pra ir, talvez encontres um exemplar na Banca do Alvino, mas isso ainda não tá certo. O preço é 25 pratas. Baratinho.

****

Uma provinha do livro
Finalmente o telefonema. Guarulhos, São Paulo e todo o seu simbolismo. Salvação para mais um nortista. A esperança mora no mais rico e populoso Estado brasileiro. Nordesti nos e nortistas não se cansam de desembarcar transportando seus sonhos de uma vida melhor ou de ter direito à vida. Ele era só mais um. A voz ao telefone entrecortada, cansada. Tentava se mostrar tranquilo, menos ofegante.

Horas depois, já refeito, a descrição do hospital. Mais parece um hotel cinco estrelas. Tudo perfeito. Do atendimento na recepção à limpeza, às opções de lanche. Cama confortável, TV, banheiro, guarda-roupa. Tudo incrível. Um tom de deslumbramento in fantil a encobrir o medo.

A primeira visita da equipe médica e a primeira quimioterapia. Tudo tão novo para um homem tão dinâmico. Uma “minibomba de combustível”, como ele descrevera, lançava as gotas milagrosas em seu corpo. Começava o bombardeio na guerra contra as células demoníacas que minavam seu sangue.

No bairro onde ele morava muitas lágrimas e orações das vizinhas e pesar dos vizinhos. No grupo de fnal de semana só lamentos. O “Seu” Menino está doente. Muito doente. Um homem sem nome nem sobrenome. Um engenheiro risonho, mão aberta e prestativo. Naquele mundo festivo do subúrbio era apenas “Seu” Menino. O Papai Noel nos dezembros e folião nos fevereiros. Não conseguiam digerir a notícia da doença grave, do risco de morte, da possibilidade de sucumbir. Não há de ser nada o “Seu” Menino é bom demais. Deus e Nossa Senhora de Nazaré vão salvar nosso amigo. Desejavam e verbalizavam o desejo entre cervejas na calçada onde ele sempre estava presente.

Cada um tinha uma lembrança muito pessoal do vizinho bem-humorado. Ora como um contador de piadas e histórias hilárias, ora como um ser solidário que nunca se negava a ajudar o outro. Alguns riam entre lágrimas ao recordar quando ele se excedia nas latinhas de cerveja e ou- via – e os obrigava a ouvir – os boleros e bregas, preferências reprimidas na abstinência. E quando ele resolve cantar? lembrou outro amigo de copo. Uma fgura esse “Seu” Menino, resumiu um deles.

*
A orelha, por Elias Pinto
Uma banda de orelha é muito pouco para falar de um livro que se mostra de corpo inteiro, de coração a nu. Ruth nos convida a desnudar os sentimentos das relações amorosas, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença. Há toda uma literatura sobre perdas conjugais.

Lembro, mais recentemente, dos livros de Joan Didion, André Gorz e Joyce Carol Oates. Se Até que o câncer nos separe divide com estes testemunhos aparentados de amor e dor a perda querida, singulariza-se pela reviravolta de uma morte anunciada, que era a da própria autora, mas que no meio do caminho soube que a despedida era do marido.

Do primeiro beijo em Outeiro ao derradeiro na São Paulo que o companheiro, in extremis, jamais conheceu, Ruth conta a morte de Manoel, a sobrevivência ao choque dessa prematura partida e a revelação de forças que talvez ela própria não julgasse possuir e que lhe serviram de molde para reconstruir a sua personalidade a tempo de – curada – se reinventar para a vida.

*
Pedacinho do relise
Durante 26 anos, a jornalista Ruth Rendeiro trabalhou na Embrapa. Foram 25 anos na Embrapa Amazônia Oriental, até que teve diagnosticado, em setembro de 2007, em exames periódicos, um câncer na mama esquerda.

Eu e Ruth no Círio2013.
Sete meses depois, seu marido, Manoel Dantas, também empregado da Embrapa, soube que estava com leucemia mieloide aguda. As limitações de tratamento na cidade natal os levaram para São Paulo. Ela para Campinas e ele para o Hospital AC Camargo, na capital. Mas em agosto de 2008, ele não resistiu e faleceu.

Durante mais de dois anos, Ruth amadureceu o desejo de narrar essa parte de sua vida e no próximo dia 5 de dezembro, enfim será lançado “Até que o câncer nos separe”, uma reunião de textos e lembranças e o que essa triste coincidência causou à sua vida e aos dois filhos à época com 12 e 16 anos. Ela ressalta, porém, que o livro não é um compêndio sobre câncer ou um livro de autoajuda.

***
P.S - Tem uma história bem recente de um sururu que une eu e a Ruth.  Clica aqui pra ler.
0 comentários

É até de 2 de dezembro a votação no prêmio CUT Democracia e Liberdade Sempre. Nada vai nos calar. Clicalá e vota!!!

Vai até dia 2 de dezembro a votação do 2º prêmio CUT - Democracia e liberdade Sempre. Nada vai nos calar!

Clica aqui, vota e confirma teu email pra validar o voto. 

Concorrem compas valorosas como a deputada federal e bancária Érika Kokay, a sindicalista paraense Maria Joel, o Instituto Lula, a Marcha Mundial de Mulheres, Marilena Chauí, dentre outros e outras.

Mais do que nunca, com a frágil democracia brasileira tão ameaçada, importante valorizar este holofote da democracia!


quarta-feira, 27 de novembro de 2013 1 comentários

Como fazer justiça com democracia e humanidade, ensina Luiz Carlos Barreto. Pérolas a porcos?

Um julgamento sem provas. Condenação sem provas. Presos sem o chamado trânsito em julgado. Os que deveriam ir pra regime semiaberto, vão presos em regime fechado. Juiz que quer seguir a lei corretamente é substituído. Junta médica é escolhida a dedo ideológico para analisar saúde de Genoíno.

Com a democracia aviltada em toneladas pelo presidente do Supremo, o cineasta Luiz Carlos Barreto, escreve um bilhete para o Barbosa, ser que se acha o rei-sol e acima de tudo: da lei, da democracia, da Constituição, dos direitos humanos. Professor de Deus?

O bilhete é maravilhoso.
Aí embaixo:


Bilhete aberto ao cidadão Joaquim Barbosa

Se a sua intenção de bem servir à causa da justiça é um propósito sincero e verdadeiro, vá correndo assistir ao filme “SOBRAL” – documentário de longa metragem de autoria da jovem diretora Paula Fiuza, neta de Sobral Pinto – em exibição nos cinemas da cadeia Arteplex Itaú.

Um emocionante filme sobre o não menos emocionante personagem Heráclito Fontoura Sobral Pinto, advogado que marcou a vida sócio-político-cultural deste País ao longo de várias décadas, deixando um legado de corajosas atitudes na sua luta permanente e obstinada pelo “direito de ter direito” (Hannah Arendt).

O filme em questão abre com duas frases emblemáticas desse homem que faz imensa falta ao Brasil de hoje. As frases são:

 - “Todo poder emana do povo e em seu nome será exercido” – citando o artigo 1o da Constituição Federal da República Federativa do Brasil.

- “Odiar o Pecado mas amar o Pecador.”

 Essas frases definem o jurista democrata e o homem de fé cristã.

Não quero e nem vou me estender mais em outras considerações sobre erros e atropelos por você cometidos, cidadão Joaquim, nesse episódio da decretação da prisão dos condenados pela ação penal 470.

O erro maior e degradante cometido foi aquele que quase causou e ainda pode causar a morte de outro cidadão brasileiro – José Genoino.

 Vá correndo, portanto, cidadão Joaquim Barbosa, assistir ao filme para banhar-se nas águas da sabedoria cívica, na convicção democrática e na indignação desse homem cristão e justo contra as injustiças.

Por fim quero lhe dizer que ODEIO SEUS PECADOS, mas não posso deixar de amá-lo como PECADOR.

 Luiz Carlos Barreto.
O bilhete, em O Liberal de hoje,.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013 0 comentários

Não mexe comigo que eu não ando só, dizem as mulheres bancárias que realizam o 3º encontro nacional. PT.PA elege Milton Zimmer para presidente! E viva a categoria bancária!

De todo o país, 150 dirigentes sindicais bancárias se juntam hoje em São Paulo/Cajamar para um importante 3º Encontro Nacional. A partir das 18h de hoje, 17 h aqui do Pará. Ali, mulheres vão debater as questões de gênero, paridade, espaços públicos para a mulher, relações compartilhadas, reforma política e mulheres, mulheres e mídia, enfim, o imenso, complexo e desafiador mundo feminino e toda a discriminação que o cerca no cotidiano da vida, do trabalho e nos lares.

 A bela programação toda está aqui e o slogan é maravilhoso: não mexe comigo, que eu não ando só, uma variação bem bonita e criativa do belo slogan da CUT: juntas, somos fortes! O evento vai ter transmissão ao vivo.

Na foto ao lado em que participei da plenária da CUT que definiu a paridade, coloquei esse belo slogan.

Mulheres são revolucionárias e quando se juntam, pode contar que o país e as políticas públicas ganham. Fundamental este espaço que vai ser transmitido ao vivo.

Muito belo!
**Ato contra a violência - Hoje à tarde, aqui em Belém,na Praça dos Mártires (antiga Prça da Leitura), em São Braz, ato público denunciando a violência contra a mulher. Só pra ter uma ideia, a
 a casa 10 minutos uma mulher é estuprada no Brasil. Mas pesquisas dizem que os números podem ser bem maiores. Crianças adolescentes não denunciam,por exemplo.
**

Zimmer presidente -O deputado estadual doPT.Pa Milton Zimmer é o presidente eleito do PT do Pará. Hoje às 15 horas,ele dá a primeira coletiva à imprensa.PT sai mais forte e unificado! Bola pra frente e parabéns, compa Milton Zimmer!



P.S. - Há 80 anos nascia
Minha mãe
minha mãezinha, em 6 de julho de 1933. Dela descendo, com muita honra e alegria. Muito bom, muito pai d"égua ser filha e aprender tanto com d. Zenaide!

E também há 80 anos, em 24 de novembro de 1933, nascia o Sindicato dos Bancários do Pará e Amapá, entidade que tive a honra e a alegria de presidir nos duríssimos tempos em que o patrimônio públicos e direitos da classe trabalhadora foram entregues à mancheia. Fui presidenta do Sindicato entre 1998 e 2002, período terrível do entreguismo neoliberal de FHC. 

Por sinal, fui a primeira mulher a presidir a entidade de classe e é desse período a resistência, luta e capacidade de alianças e articulações para manter de pé o Banpará, um dos poucos bancos estaduais que resistiram à feroz metralhadora giratória de FHC que tirou do mapa do sistema financeiro, 23 dos 27 bancos estaduais!
A homenagem na festa dos 80 anos do Sindicato.

Então, é com muita alegria que sexta-feira passada 22, comemoramos os 80 anos do Sindicato. Em julho, comemoramos em casa os 80 anos da minha amada mãezinha, que acaba de pular imensa fogueira,  na luta contra um câncer. Fez cirurgia muito bem enfrentada de 31 de outubro pra 1º de novembro.

Parabenizo emocionada o meu sindicato, um instrumento de luta da classe trabalhadora e da categoria bancária e do ramo financeiro. É um patrimônio da luta!

Parabéns à categoria bancária e à direção do valoroso sindicato, agora de novo presidido por uma companheira! Muitos vivas à classe trabalhadora que permanece lutando com unidade, mobilização, luta e democracia, pois temos muito mais o que nos une do que o que nos separa!!!!
quinta-feira, 21 de novembro de 2013 0 comentários

Como manter democracia, liberdade e resistir às arbitrariedades: o momento de agir é agora, diz a CUT!

Boa, muito boa a resolução da Executiva da CUT Nacional, em que exige anulação da sentença e revisão imediata da AP 470.

Tenho dito nas redes sociais, no whatsApp e na conversa com amigos, colegas e familiares, que é intolerável aceitarmos pena ou a prisão de quem quer seja sem culpa provada. Ajo assim na vida e no Comitê Disciplinar do Banpará, em que sou integrante como representante eleita dos trabalhadores e trabalhadoras.

E o que é isso que está se fazendo com o Genoíno? Querem matá-lo Perdeu-se qualquer noção de humanidade? 

Boa quarta-feira, povo da maré da resistência e da luta por democracia!
====

Lê um um dos trechos da Resolução:

"O ministro Joaquim Barbosa resolveu aproveitar o feriado de 15 de novembro para expedir os mandatos de prisão contra os companheiros sem encaminhar, como lhe cumpria fazer, a carta de sentença de cada um deles, o que fez com que os três companheiros ficassem presos em regime fechado quando teriam direito ao semiaberto. Expediu os mandatos de prisão e viajou em seguida. Determinou a transferência dos presos para Brasília, muito distante de suas residências e de seus locais de trabalho, onde deveriam cumprir o semiaberto. Foi um gesto deliberado para constrangê-los e humilhá-los bem como suas famílias.

 * 

O uso da chamada doutrina do domínio do fato (julgamento com base na interpretação de fatos e não em provas) para incriminar os acusados abre a possibilidade de ser utilizado, de forma recorrente, para criminalizar os movimentos sociais e condenar suas lideranças, assim como condenar cidadãos comuns, constituindo-se numa afronta aos direitos humanos, gerando uma situação de insegurança jurídica e provocando um verdadeiro retrocesso na trajetória percorrida pelo País na consolidação das instituições democráticas.

A CUT chama também sua militância para estar nas ruas lutando por democracia e liberdade .

A íntegra, aqui.





Dr.Marcus Vinícius Gurgel, cirurgião da mamãe.
P.S - Amanhã, sexta-feira 22.nov.13 tem três fatos importantes na minha vida e da luta da classe trabalhadora. 

  • Às 8:30, minhas manas Rosa e Cínthia levam mamãe ao oncologista clínica, para avaliação do resultado da biópsia. Mamãe está bem se recuperando muito bem. Gratias!
  • Às 14 horas, se tudo correr bem, finalmente será assinado o acordo coletivo de trabalho entre Banpará e entidades de classe: Sindicato dos Bancários do Para, ContrafCUT e Fetec CUT.CN. E testemunho da Afbepa.
  • E às 20 horas, o início da festa dos 80 anos do Sindicato dos Bancários do Pará, entidade que tive a honra de presidir entre o duro período neoliberal de 1998 a 2002. Parabéns ao querido sindicato, uma fortaleza na luta pelos direitos da classe trabalhadora!
sexta-feira, 15 de novembro de 2013 0 comentários

Resiste, Genoíno! A História vai te absolver! Força, companheiro!

Hoje é um dia triste. Um dia ruim para a democracia, para a liberdade, para a verdade. Na condição de preso político Genoíno se entrega à Polícia Federal. Companheiros presos sem que se tenha comprovado uma única culpa!

Mensalão petista julgado e condenado. Mensalão tucano guardado até prescrever!

O que é que é isso?


"Com indignação, cumpro as decisões do STF e reitero que sou inocente, não tendo praticado nenhum crime. Fui condenado por que estava exercendo a Presidência do PT. Do que me acusam? Não existem provas.O empréstimo que avalizei foi registrado e quitado. Fui condenado previamente em uma operação midiática inédita na história do Brasil. E me julgaram em um processo marcado por injustiças e desrespeito às regras do Estado Democrático de Direito.

Por tudo isso, considero-me preso político. Aonde for e quando for, defenderei minha trajetória de luta permanente por um Brasil mais justo, democrático e soberano."

José Genoíno, Brasil 15 de novembro de 2013.
O meme resume o que foi a farsa desse julgamento da AP 470!
Genoíno hoje antes de entrar para a prisão política: um resistente bravo!

Leia artigo de Cynara Menezes

Por que prender Zé Dirceu não vai mudar o Brasil. Ou: é o financiamento público de campanha, estúpido!

A prisão de uma só pessoa não derruba a corrupção. Isso é mentira, um artifício para manipular o eleitor contra o PT e encobrir algo muito maior que Dirceu


Leia também, do blog Maria Frô: O dia em que o jornalismo emporcalhou a história: a capa de Genoíno
sexta-feira, 8 de novembro de 2013 0 comentários

Melhorando tudo melhorando todoas: banho de ar também integra a recuperação da mamãe! Porque o suave vence o agressivo!

Tudo natural.
Mamãe operou de 31.out pra 1º de novembro e desde ontem à tarde está em casa. A recuperação é lenta, mas fluida. E para que seja cem por cento, além de toda medicação prescrita pelo médico, alimentação orgânica e natural, ontem mesmo começamos o banho de ar, altamente recomendado pelo dr. Yun no "ABC da Saúde" e pela instrutora de Unibiótica, Matilde Schuch Cavalcante.
Cobrir/descobrir: banho de ar é simples e eficaz. Como a vida.
O banho de ar é a terapia mais indicada nos casos de câncer, dores de cabeça, prisão de ventre, cardiopatias, problemas de fígado e rins, artroses, bronquites, asma e outras. É a terapia mais extraordinária em toda a Medicina, pois de forma suave e sutil elimina o cansaço, o stress, bem como as toxinas de todo o organismo, purificando o mais íntimo da célula.

O banho de ar produz efeitos mais suaves do que os medicamentos empregados para tratar doenças. O suave não agride. O suave é como a música. Ao escutar uma música suave, nós encontramos um efeito de descanso e revigoramento.

No "ABC da Saúde", Dr. Yun(1995) enfatiza: “Pode-se dizer que tanto a saúde, quanto a medicina começam terminam na respiração. Portanto, ignorar a respiração é ignorar a própria vida, porque ela começa e termina com a respiração”. O corpo inteiro exposto ao ar se beneficia não só na pele, mas em todos os órgãos.

O Dr. Yun informa que o banho de ar é uma fortaleza para o sistema nervoso autônomo. Ele serve também para normalizar a função da pele, estimular a respiração através dos poros, purificar o líquido do corpo, absorver o oxigênio; é desintoxicante, fortalece os órgãos internos, melhora a respiração e a circulação sanguínea, estimula os movimentos intestinais e elimina gases. Em qualquer idade traz mais disposição, tranqüilidade e energia.

O banho de ar tem mais efeito que o banho alternado, pois todo o organismo se predispõe a produzir células benéficas e ao mesmo tempo eliminar as maléficas. "A pele respira. tal qual os pulmões, a pele inspira e expira, respectivamente, oxigênio e dióxido de carbono. Isto ocorre porque o sangue não flui somente nos vasos sanguíneos, mas também no tecido celular do organismo. Pode-se dizer, portanto, que a pele é o segundo pulmão.”

 Como fazer o banho de ar - Para praticar o banho de ar deve-se tirar toda a roupa do corpo e em seguida cobrir-se com um cobertor, deixando descoberta somente a cabeça. Pode-se ficar em qualquer posição: deitado, sentado ou em pé. Pode-se fazer exercícios ou atividades que o banho permita, menos fumar ou comer. Deve ser feito em ambiente com pouca luminosidade e boa ventilação(sem o uso de ventilador ou ar condicionado), ou seja, com janelas abertas para que o ar circule, de preferência ao nascer e ao pôr do sol. Entre um banho e outro observar intervalo de 30 minutos. Faz banho de ar. O linque está aqui.

O banho de ar deve ser feito em qualquer emergência. Não tem contra-indicações. Enfermos devem fazer de 8 até 12 banhos de ar por dia e pessoas saudáveis devem fazer 3 banhos  de ar por dia como preventivo e para manutenção da saúde. 

Uma pessoa que tem gripe com frequência deve praticar o banho de ar pelo menos  duas vezes por dia: ao nascer e ao por do sol. Aguardar o intervalo de uma hora. após as refeições.
(Fonte: ABC da Saúde)


quinta-feira, 7 de novembro de 2013 14 comentários

É Natal no meu coração e quero erguer um brinde à vida e à alegria! Mamãe volta hoje pra casa! Urru arrá

É Natal no meu coração! Natal com direito a festejos, risos, choros, vinho e alegria! Depois de pular imensa fogueira, minha mãezinha volta pra casa hoje, ela que foi operada de um câncer no intestino das 22 horas do dia 31 de outubro à 1 da madrugada do dia 1º de novembro no hospital Cura D'Ars/Fortaleza pela equipe médica Marcos Vinícius Gurgel, Aarão e Erialdo. E sob olhar atento e amigo do cunhado médico. Sob a proteção da corrente de preces e da solidariedade ativa de centenas, milhares de compas.Isso não tem preço!

Do turbilhão de emoções vividos neste outubro, destaco duas situações especiais e maravilhosas: pelos grupos no whatsApp, amigas e colgas do Banpará e de todos os cantos enviavam mensagens de oração. E uma delas, enviada pela Gê, foi decisiva e virou meu mantra nos "dias como bois" de outubro: Maria, passa na frente. Na agonia, no hospital, esperando vaga na UTI, a veia da mamãe que tava estourada, abria o celular e rezava Mara, passa na frente. Sentia a energia, a presença e a proteção da Mãezinha! O vídeo tá agora nos favoritos da estante da minh'alma!

A outra coisa foi a solidariedade. Preces, mensagens, telefonemas, abraços, colchão de carinho e conforto na hora da turbulência. E o ato ágil e solidário foi a doação de sangue. Falei nas redes sociais e uma hora depois, amigos da CUT Nacional e do Ceará e blogueiros progressistas já disseminavam o pedido de sangue pra mãezinha. Quero destacar a atuação vibrante e em cima do lance dos compas Daniel Pearl, Carmen Foro, Anísia e tantos e tantas que se movimentaram e garantiram um bom estoque de sangue. Liindo isso e amo ser cutista, de esquerda e construtora da esperança! E um afago especial na minha mana, valente, firme e doce cuidadora! Também um cheiro especial na amiga-mana Cínthia que perscrutou e traduziu o Universo o tempo inteiro e segurou firme minhas quase quedas.

Este post é de agradecimento e festa no meu coração. Quero compartilhar isso com vocês que me acompanham em tantas e variadas frentes de luta! Dia 14 ou 15 sai o resultado da biópsia, mas a cada dia a sua agonia e a sua alegria. Hoje, eu quero erguer

um brinde à vida e à alegria!

Mãezinha e dr Marcos Vinicius Gurgel, ontem 6 nov, no hospital.
Mãezinha e manas dela, tias Zuila e Zuleide, dia 6 de outubro/13, em Belém.

Meu mantra de fé: Maria, passa na frente!
video
Maria passa na frente
e vai abrindo estradas e caminhos.
Abrindo portas e portões.
Abrindo casas e corações.
A Mãe vai na frente e os filhos protegidos seguem seus passos.
Maria, passa na frente e resolve tudo aquilo que somos incapazes de resolver.
Mãe, cuida de tudo o que não está ao nosso alcance.
Tu tens poder para isso!
Mãe,vai acalmando, serenando e tranquilizando os corações.
Termina com o ódio, os rancores, as mágoas e as maldições.
Tira teus filhos da perdição!
Maria, tu és Mãe e também a porteira.
Vai abrindo o coração das pessoas e as portas pelo caminho.
Maria, eu te peço: PASSA NA FRENTE!
Vai conduzindo, ajudando e curando os filhos que necessitam de ti.
Ninguém foi decepcionado por ti depois de ter te invocado e pedido a tua proteção.
Só tu, com o poder de teu Filho, podes resolver as coisas difíceis e impossíveis.
Amém !!!

P.S - E para alegria de amantes do

vinho, esta notícia que 1 inocente

tacinha de vinho tinto equivale a meia 


hora de exercícios físicos. 


Bom dia, pinguços! kkkk
quarta-feira, 6 de novembro de 2013 0 comentários

O direito à vida, artigo de Lula. E enquanto mãezinha melhora, fica pronto o substitutivo do marco civil da internet. CUT defende a democracia e luta pela liberdade de expressão, privacidade e neutralidade de rede

O preço absurdo dos novos medicamentos tem impedido a chamada economia de escala: em vez de poucos pagarem muito, os remédios se pagariam — e seriam muito mais úteis — se fossem acessíveis a mais pessoas. A solução, obviamente, não é fácil, mas não podemos nos conformar com o atual estado de coisas. Até porque ele tende a se agravar na medida em que mais e mais pessoas reivindicam, com toda a razão, a democratização do acesso aos novos medicamentos. Quem, em sã consciência, deixará de lutar pelo melhor tratamento para a doença do seu pai, sua mãe, seu cônjuge ou seu filho, especialmente se ela traz grande sofrimento e risco de vida?
==
Esse é o trecho de um artigo do Lula, grande compa e eterno presidente. Abordando o direito coletivo à vida diante dos medicamentos caros para o tratamento do câncer. Íntegra, aqui.

***

P.S - Informo que minha mãezinha deve ter alta até amanhã do hospital. Volta pra casa, após ter pulado uma grande fogueira que foi a cirurgia realizada no dia 31 de outubro a partir das 22 horas até 1 da manhã do dia 1º de novembro. Está se recuperando bem e não canso de agradecer a solidariedade ativa encontrada na doação de sangue e na corrente de orações. Grata, meu povo.

Marco civil -A outra notícia é que está pronto o projeto de lei do Marco Civil da Internet, PL 2126, de 2011. O relator, deputado Alessandro Molon (PT.RJ) aprontou o documento final. Aqui, no blog da Frô, a íntegra do relatório e artigo sobre a neutralidade na rede.

Tucanos no Pará - E no Pará, continua firme e forte a greve da educação pública, com mais de 40 dias. Ontem, trabalhadores da educação ocuparam a sede da Assembleia Legislativa do Pará, exigindo reabertura de negociações direto com o governador. Issoaí, compas, firmes na luta!

Acordo Banpará - Deve ser assinado esta semana o acordo coletivo do Banpará, construído após 30 dias de linda e vitoriosa greve. 
*
Três vídeos  pai d'éguas sobre marco civil da internet:





sexta-feira, 1 de novembro de 2013 0 comentários

Mãezinha foi operada, começa a se recuperar. Pulou a primeira grande fogueira com mantra índio, preto e caboclo. E Maria passou na frente!

Este 1º de novembro 2013 amanheceu com uma energia renovada e boa pra minha mãezinha, minha família. Minha mãezinha que tem 80 anos teve o câncer de estômago descoberto dia 5 de outubro deste ano, em meio à greve bancária, eu na linha de frente da greve e da negociação com o Banpará.

Com as preces e corrente positiva, atendimento, solidariedade ativa, mamãe pulou uma grande fogueira ontem, ao realizar uma bem sucedida e longa cirurgia que começou às 22h e terminou à 1h desta madrugada. No centro cirúrgico, cantou carimbó trazendo com o canto um mantra caboclo, índio e preto.

Depois da operação, foi pra UTI ho hospital Cura D'Ars, em Fortaleza e o primeiro boletim do 1º dia na UTI dá conta que a mãezinha  tá se recuperando bem, sem dor, sem sedação e com boa carinha. Só com muito frio, pois a UTI é gelada. Deve sair da UTI amanhã pela manhã e ir pro apto por mais uns 2 dias. 

Meu agradecimento a todoas que doaram sangue, fizeram e continuam fazendo preces, aos que enviaram mensagens e confortos nos mais variados canais, aos que visitaram, à equipe médica, ao plano de saúde da GEAP,aos amigos e amigas que se sintonizaram na luz pra nos ajudar a atravessar esse momento difícil.

Teremos uma nova etapa daqui pra frente, mas um peso saiu dos nossos ombros. Não foi fácil pular essa primeira fogueira e não teria sido possível sem cada um, cada uma de vocês.

Alvíssaras! Até aqui nos ajudou e, decididamente, Maria passou na frente!

Mãezinha e suas manas, tias Zuila e Zuleide. Foto de 7.out.13, em Belém

Mãezinha e meu mano mais velho, Antonio.

Tranquila e querida.
 

Com as filhas, em Fortaleza.

 
;