quinta-feira, 26 de outubro de 2017 2 comentários

Paulinho Fonteles foi amor, luta e poesia. Paulinho, presente, presente, presente!!!

A notícia chegou bem cedo hoje, por zap. Paulinho Fonteles tinha sido fulminado por um infarto. Não acreditei, mas chorei, o coração adivinhando que a notícia era tristemente verdadeira.
À noite, fui ao velório na Assembleia Legislativa do Pará, mesmo lugar em que, há 30 anos, grávida de meu 3º filho, Adriano, subi as mesmas escadarias para velar o corpo do companheiro Paulo Fonteles, o pai, assassinado brutalmente pelo latifúndio.
Foi difícil subir as escadas, com a história passando um filme veloz e triste na minha frente, reencontrando companheiros e companheiras de muitas décadas de jornadas .
Lembrei do sorriso doce de Paulinho e de quando compartilhávamos  debate sobre a conjuntura, já sob o golpismo de Temer e seus aliados. Ele, um combatente firme e otimista, cheio de planos e de tanta vida! Ir embora aos 45 anos, parece uma tremenda sacanagem com a gente.
Que tempos!
Que Paulinho siga na luz! E muita força para a companheira de jornada, familiares e a legião de amigos e amigas que ele tão bem cativou, sendo luta, amor e poesia!

Republico aqui a nota da CUTPa, escrita com a emoção tropeçante deste dia tão doído!
↓. 


PAULINHO FONTELES, PRESENTE!
Nota de pesar

 Hoje, dia 26 de outubro de 2017, a luta de todos e todas que sonham e lutam por um Brasil mais justo e igualitário, teve um desfalque insubstituível com a perda precoce de Paulo Fonteles Filho, o Paulinho Fonteles, como era carinhosamente chamado.

 Nós, que construímos e fazemos a CUT.Pará, sentiremos a falta da tua parceria, do teu compromisso com a luta, da tua garra e do teu jeito menino e doce de ser. Firme, sem perder jamais a ternura, nisso lembrando outro grande revolucionário!

A história de vida de Paulinho fala por si só. Nasceu no cárcere da ditadura, militou no movimento estudantil, foi vereador de Belém pelo PCdo B, e tornou-se um dos principais militantes dos direitos humanos no Pará, tanto que comandava o Instituto Paulo Fonteles de Direitos Humanos e era membro da Comissão Estadual da Verdade (CEV).

Vivemos dias difíceis, de retrocessos nos direitos humanos, sociais, políticos e sindicais. Mas vamos persistir na resistência e temos certeza que esse tempo vai passar. E aí camarada Paulinho, pode ter certeza, que nós faremos a festa por ti.

Vai vem paz, Paulo Fonteles Filho, vai em paz mano guerreiro do povo brasileiro, um apaixonado pelo Araguaia, pela vida, sendo ao mesmo tempo, luta, amor e poesia!

Paulinho Fonteles, PRESENTE!

 Belém.Pa, 26/out/17.
 CUT.Pa
Paulinho Fonteles.
sexta-feira, 25 de agosto de 2017 2 comentários

Quando setembro chegar, 64 futuros bancários serão convocados para trabalhar no Banpará. Porque só a luta nos garante!

Quando chegar este setembro/17, 64 novxs bancárixs serão convocadxs a integrar as fileiras dos mais de 2.000 Bancárixs do Banpará - Banco do Estado do Pará S.A. Aí é só peticionar na justiça, arrumar a documentação e virar bancário nestes tempos medonhos de Temer e desemprego!
Contando assim, parece simples e fácil. Mas não foi. 

Corria o ano de 2016, já era outubro/16, o edital do concurso de 2014 terminaria em novembro/14 e nada de boa parte dos futuros colegas serem chamados. Criaram uma comissão, foram até o Sindicato dxs Bancárixs.Pa., que acolheu os concursados e o pedido de organizar uma frente de luta até que todxs fossem chamados ao trabalho no Banpará. Ato público na frente da Matriz do Banpará e ação na justiça, com a assistência jurídica do escritório Mary Cohen. Muitas reuniões, zap daqui, zap dali, choro, angústia, zanga, preces e pressões,  até que a justiça propôs, em acordo judicial, o ingresso de 64 novos colegas. Três audiências na 12a Vara do TRT.Pa.

E na tarde desta sexta-feira, 25/ago/17, após a manhã em reunião do Comitê Disciplinar do Banpará, estivemos no Sindicato com parte dos futuros  bancárixs para sacramentar se topam ou não a proposta construída na justiça, com assistência  do Ministério Público do Trabalho. Toparam. Por unanimidade. Com muitas falas emocionadas e gratidão à vitoriosa luta travada pelo Sindicato.

Feliz, eu...Feliz toda a diretoria do Sindicato, do escritório jurídico e até negociadores do banco. 

Pra mim, funcionária das antigas deste banco e que presidi o Sindicato no também trevoso período  neoliberal de FHC, de muitas perdas de emprego e direitos, é muito gratificante comprovar, mais uma vez e neste Banpará,que só a luta nos garante. 

Parabenizo os futuros novos colegas pela decisão acertada de se organizar e caçar o  rumo do Sindicato pra alumiar os caminhos. E ao meu sindicato que, novamente, confirma o slogan que Sindicato é pra lutar!
🙆🙌💝💞✋✋✋✋✌✌✌✌

 *
Atualizado em 27/set/17, às 18:02= E neste 27 de setembro de 2017, dia de São Cosme e São Damião, dia de brincaderas e bombons com crianças, dia de reunião no Comitê Disciplinar no Banpará, ficou para este finalzinho de setembro, a homologação, na justiça, entre Banpará e Sindicato dxs Bancárxs.Pa para a contratação de 64 novos colegas do concurso de 2014!
Então, vai ser com gosto de maniçoba e cheiros e bênçãos do Círio de Nazaré que o novo time entrará no Banpará. Uma peleja e tanta, digna de rodadas de conversa e celebração. Vitoriosa e linda!
Aguardo vocês!💗


A palavra ansiada: homologação! No site do TRT.Pa às 14:08:56 deste 27 de setembro de 2017.
 
Mais do que nunca, só a luta nos garante!

Tarde de 25/ago/17: para registrar a luta do Sindicato pelos concursados de 2014.

A fala grata e emocionada da representação da comissão dos concursados de 2014.

Não podia perder a chnace de ter uma selfie com alguns dos futuros colegas.

No início da reunião na sede do Sindicato dxs bancárixs.Pa

quinta-feira, 17 de agosto de 2017 0 comentários

Quero é ver barrar o amor! #LulaPeloBrasil

Uma imagem que varou o mundo, emocionando quem tem alma: o menino Everton, aos 7 anos pulando em Lula e hoje o rapaz, 11 anos depois, acarinhando o maior presidente de todos os tempos, na caravana pelo Nordeste, inicada neste 17 de agosto de 2017. Com Lula sendo recebido com o carinho que o povo brasileiro sadio tem. E com as elites, juízes e poderosos querendo atravancar o caminho percorrido por Lula e o povo!  
Eu quero é ver barrar o amor!
❤
(Foto: Ricardo Stuckert). #LulaPeloBrasil
Tanto amor dispensa legenda.

sexta-feira, 21 de julho de 2017 0 comentários

O melhor da gente vem embalado no amor...parabéns, Adriano! 20.julho.2017

Adri,

Filhos são o que temos de melhor, o que melhor produzimos nesta jornada. E meu caçula está no berço hoje, ele que vinha ao mundo às 8h de 20 de julho de 1987. Nascido no Dia do Amigo, algo que é, de raiz.

Adri, meu menino amado, que continues sendo farol de luz e amor, alumiando os caminhos, varrendo a escuridão e enchendo de alegria os nossos corações. 

Com minha ternura, desta e  de outras vidas e só te desejo com ardor de mãe: vai ser feliz, filho. E que tenhas doses generosas de paz, amor, riso, aconchego para os dias difíceis, temperança, algum trocado, não percas de vista o humor e a poesia e boas camaradagens.

Bora celebrar a vida!

Eu te amo e vou ser por toda a tua vida a tua fã número 1.
Fã com amor incondicional!💓💙💚💛💜💔🙋

Observação: este texto só foi publicado na tarde do dia 21. Pelo app do blogger não consegui subi-lo.😓
sexta-feira, 30 de junho de 2017 0 comentários

Povo paraense cruza os braços contra Temer e reformas. #GrevePorDireitos

E o povo trabalhador cruzou os braços nesta 2a greve geral, Dia de São Marçal, 30 de junho de 2017. A greve geral em Belém contou com o decisivo apoio da categoria rodoviária. Belém está sem ônibus rodando. Bancos fechados. Ruas de entrada e saída de Belém fechadas. Comércio fechado. É uma bonita resposta da classe trabalhadora aos ataques de Temer e Congresso com as famigeradas reformas trabalhista e da previdência. Ao brutal ataque à democracia e à soberania do país.
#GrevePorDireitos
***
Atualizado às 9:10 - Recado ao Banpará: 
Colegas do Banpará, aqui é Vera Paoloni. Aqui na greve circula uma conversa que o banco está orientando para que colegas alterem hoje a jornada habitual e entrem na Matriz entre 11h e12h, numa tentativa frustrada de furar a greve. 
Temos duas considerações para isso, se for verdade: a) que o colega não atenda essa proposta indecorosa num dia de greve geral e ainda por cima, sexta-feira!; b) estaremos às 12h na porta para conversar com cada colega. Afinal, estamos em greve e a causa é pra lá de justa. Aproveitemos para visitar um amigo doente, botar um assunto adiado em dia, olhar a cidade, ler um livro, assistir aquele episódio da Netflix que nunca dá tempo, vá para a caminhada da greve, a partir do meio dia.Tem muito o que fazer. 
E antes que eu esqueça, que o banco passe muito mais tarde com essa pressão fora de orquestra!💃🏼💃🏼🎊
Matriz do Banpará na Av Pte Vargas/Belém. Foto: Allan Tomaz. 


domingo, 25 de junho de 2017 0 comentários

Como sintonizar com o melhor da humanidade e fazer uma grande greve geral dia 30 de junho/17....


Nossa, quase 2 meses sem uma mísera linha no meu blog. Daqui a pouco, ele deprime por falta de um carinho... Então, vamos lá, broguito querido. Era pra eu falar sobre a greve geral do dia 30 de junho, contra as reformas de Temer e congresso golpistas, mas preciso falar de pequenos gestos que me fazem não perder a fé na humanidade.

Manhã de 21 de junho/17 e nós da CUT.Pa em uma peleja sindical no amanhecer, em Belém. A jornalista da CUT deixou cair o celular da entidade em alguma rua, na hora de descer do carro e só se deu conta muito depois que não estava dentro da bolsa. Eu já no local da peleja, envio as primeiras fotos e um textinho direto pro celular da comunicação da CUT. Uma hora depois, entra alguém no zap da comunicação e me diz: encontrei este celular e preciso de um telefone para que eu possa ligar e devolver o celular. Acertamos e a compa trabalhadora da saúde pública devolveu o celular, de última geração.

Agradeci e agradeço de novo, registrando e que gestos assim, e o da doação de sangue por algum desconhecido, doar tempo para quem precisa, me bota em sintonia com o que temos de melhor.❤👏👏✊

 Vamos curtir o domingão ensolarado em Belém e entrar na segunda-feira com muita firmeza para fazer uma grande greve geral dia 30 de junho e barrar o golpe da reforma trabalhista e também da reforma previdenciária.

sexta-feira, 28 de abril de 2017 0 comentários

#BrasilEmGreve neste histórico 28 de abril. Imagens de Belém e do Pará. Ninguém ouse desafiar a classe trabalhadora!

Que dia lindo este 28 de abril de 2017! Belém tá parece um dia de Círio. Uma enorme ebulição e muita gente caminhando. Tem manifestação pra tudo que é lado e não so na capital.
É uma bela resposta de resistência e luta da classe trabalhadora, diante do massacre de Temer e deputadas e deputados federais nos direitos sociais e trabalhistas. 
Uma greve que parou Belém, o Pará e todo o Brasil! 
Uma greve que uniu todos os contrários, porque ninguém quer o fim do emprego, do concurso público, da soberania do país, do direito a se aposentar. Do direito a ser feliz.

É um bonito NÃO às reformas trabalhista e previdenciária! À terceirização irrestrita, à entrega do pré sal!

Estamos na primeiras horas da greve geral que não acontecia desse jeito há 30 anos. E ela veio forte, no tamanho da indignação e da repulsa do povo brasileiro a Temer e suas reformas que aniquilam as famílias, o salário, os direitos!

Voltaremos com novas informações. 
Parabéns à CUT e às demais centrais e movimentos sociais unificados nesta bela luta!
**
Atualizado às 14:10 do dia 29/abril/17: em Belém e Região Metropolitana foram cem mil manifestantes, em 32 manifestações simultâneas. E em todo o Pará, 150 mil manifestantes nas ruas! No Brasil todo foram 40 milhões de pessoas protestando.É a maior greve do país!
Um lindo dia e agora é avançar até o governo golpista de Temer tirar de pauta a reforma da previdência. E ter uma chance de salvar a trabalhista que ainda será votada no Senado.
Vamos ao acampamento da juventude em Belém, na Praça Waldemar Henrique e dia 1º de Maio, pela manhã, vamos à Praça da República!
Tem luta de classes e ela se dá também nas ruas!
*
Algumas imagens de hoje, desta bela sexta-feira, 28/4/17.

Na av.Pte Vargas, centro de Belém na Matriz do Banpará. (Foto: Gleici)


Greve e culto ecumênico na frente da Matriz do Banco da Amazônia, na av Pte Vargas, Belém. (Foto: Allan Tomaz)
Santarém.Pa

Serra dos Carajás, funcis da Vale cruzam os braços.
Um Círio, em Belém? Não. Greve geral dia 28

BR 316, única entrada para Belém; parada. (Foto: Bruno Leão)
Uma das 32 manifestações em Belém, na manhã do dia 28. Concentração na Praça da República.

Matriz do Banpará envelopado:é greve! (Foto: Glçici)

Altamira.Pa

BR 316, única entrda de Belém. Fechada.

Cametá.Pará

Matriz do Banpará.
Protesto contra governo do Pará e lixão de Marituba. Na rodovia Mário Covas, Ananindeua.

Na avenida Almirante Barroso.


Correios em greve.
Praça da República, em Belém.
Bairro de São Brás, em Belém. Tudo párado!
Com alegria e resistência, mulheres batucam na greve geral.

Foi bonita a festa, pá...





 
;